SOBRE

manuel alegre

Agostinho. Lente de teologia. Maçon. Bispo de Castelo Branco, arcebispo de Évora e cardeal-patriarca de Lisboa, em substituição do cardeal Cunha. Ministro da justiça de 14 de Maio de 1824 a 15 de Janeiro de 1825. Membro da regência depois da morte de D. João VI. Vice-presidente da Câmara dos Pares em 1826.

CONTACTOS

Rua Almerindo Lessa
Pólo Universitário do Alto da Ajuda
1349-055 Lisboa
PORTUGAL
(ver google maps)

(+351) 21 361 94 30

geral@observatoriopolitico.pt

Politipédia © 2024